Débora Soares

Laços & Lembranças
Quem nunca tentou se lembrar de algum momento do seu passado e não conseguiu, que atire a primeira pedra. Ao longo da vida acumulam-se muitas memórias, mas infelizmente muitas se perdem com o passar do tempo. E se houvesse uma tecnologia capaz de selecionar os melhores momentos para poder recordar sempre que quiser? Pois ela existe desde 1826, e se chama Fotografia. Como dito na belíssima canção de Leo Jaime e Leoni, “O que vai ficar na fotografia são os laços invisíveis que havia”. Isso é o mais encantador dessa arte, o poder de trazer as lembranças dos laços, que são a construção mais importante de uma vida. A Fotografia Newborn, apesar de seu estilo muito particular, não é diferente. Ela retrata um período único que, por ser uma fase difícil e de grandes adaptações para a família, geralmente não é lembrado. Quando as coisas se acalmam, o bebê não é mais um recém nascido e tem novas características. A única forma de lembrar daquele rostinho e seus detalhes é vendo as fotos do ensaio Newborn. Olhar para uma fotografia é como reviver o momento, com seus cheiros e sensações, e experimentar uma saudade gostosa e aquele calor no coração! As fases da vida passam mais rápido do que se pode perceber, e quando se dá conta, os filhos já estão crescidos e logo vem os netos. Pessoas queridas se vão e outras vêm. O ciclo da vida continua, infreável e maravilhoso como sempre. Mas a fotografia tem o poder de eternizar momentos e torná-los inesquecíveis. A vida passa, os laços ficam.


“E quando o dia não passar de um retrato
Colorindo de saudade o meu quarto
Só aí vou ter certeza de fato
Que eu fui feliz”


(Leo Jaime / Leoni. Fotografia, 1993. Disponível em:
https://open.spotify.com/track/4GzVLbhYys2hkSbSoWQUrY?si=136dc17d49274dd4 )


Conheça um pouco desse trabalho em:
http://www.deborasoares.com.br/
https://www.instagram.com/deborasoaresfoto/